WhatsApp

Kit 5 Tenis Masculino Da Polo Open Original

Translate

DIFERENÇAS ENTRE OS JUSTOS E OS INJUSTOS.

Em toda a Bíblia distinguimos a tremenda diferença entre o justo e o ímpio,isto é os que foram justificados porque creêm no evangelho puro. 
Vejamos:
   a) Os ímpios são chamados de:
 - árvore corrupta,
 - arbustos no deserto,
  - cães, cabritos,
  - cegos,
  - cereal queimados,
   - cera derretida,
   - cinzas sob os pés,
   - escorpiões,
   -  espinhos e abrolhos,
    - estrelas errantes,
    - feras,
     -filhos da desobediência,
     - filhos da ira,
     - filhos da maldição,
     - filhos do diabo,
     - filhos do inferno,
     - filhos do maligno,
     - filhos da perdição,
     - fumaça,
     - geração perversa,
    - inimigos da cruz,
     - inimigos de Deus,
    - insensatos
    - edificado sob a areia,
    - joio,
    - lobos,
     - leões cobiçosos de presas,
     - nuvens sem água,
     - ondas espumantes do mar,
     - orvalho que logo desaparece,
     - prata reprovada,
     - ramos abomináveis,
     - moinha que o vento espalha,
     - redemoinho que passa,
    - sepulcros caiados,
     - terreno pedregoso,
     - transgressores,
     - vasos de ira,
    - vestes corroídas pela traça,
    - víbora surda, etc.
    É a Bíblia que os descreve assim.
   b) Os justos são chamados o sol,
as estrelas,
 monte Sião,
 embaixadores,
homens de Deus,
o Líbano, tesouro,
 jóia, ouro,
vaso de ouro e de prata,
pedras de uma coroa,
pedras vivas,
criancinhas,
 escolhidos,
filhos obedientes,
 filhos da luz, filhos
 amados,
 herdeiros,
 instrumentos para honra,
 luzes,
 membros do corpo de Cristo,
 lutadores,
servos bons,
peregrinos rumo aos céus,
ovelhas de Deus,
cordeiro,
água,
orvalho e chuva,
 jardim regado,
ramo de oliveira,
 romãs,
lírio,
árvore plantada junto ao ribeiro,
cedro do Líbano,
palmeira,
 oliveira nova,
 árvore frutífera,
 cereal,
 trigo,
soldado de Cristo,
 sal da terra,
 embaixadores do Rei,
cidadãos do céu,
 remidos do Senhor,
 vasos de misericórdia.
"Outra vez vereis a diferença entre o justo e o ímpio, entre o que serve a Deus e o que não o serve ". ". Vale a pena ser crente. Aleluia! Essa diferença refere-se não apenas a esta vida, mas também a vida futura, à eternidade. A Bíblia afirma claramente que o ímpio está destinado à condenação eterna. Essa condenação não é um castigo de Deus ao ímpio, mas uma conseqüência das escolhas feitas por ele aqui, em vida. A Bíblia descreve ainda de várias maneiras o estado de sofrimento e de perdição do ímpio: fogo eterno, trevas exteriores, tormento, castigo eterno, ira de Deus, segunda morte, eterna destruição, banidos da face de Deus, pecado eterno, inferno. Tudo isto é a descrição do estado eterno de sofrimento e de perdição do ímpio. Os ímpios, segundo a Palavra de Deus, sofrerão o juízo divino durante a grande tribulação. Eis uma descrição do que acontecerá nesse dia: "Os reis da terra, os grandes, os chefes militares, os ricos, os poderosos e todo escravo e todo livre se esconderam nas cavernas e nos penhascos dos montes, e disseram aos montes e aos rochedos: Caí sobre nós, escondei-nos o rosto daquele que está assentado sobre o trono, e da ira do Cordeiro. Pois é vindo o grande dia da ira deles, e quem poderá subsistir? " .(Ap 6.15-17). Para os ímpios está determinada a grande tribulação. As estrelas do firmamento cairão, a lua escurecerá, as águas do mar tornar-se-ão em sangue e haverá pestilência na terra. Naquele dia, os horrores serão tão grandes, os sofrimentos tão terríveis, que os homens chegarão diante dos montes, das rochas, dos rochedos, e dirão assim: "Abafai-nos! Matai-nos agora! E melhor morrer do que sofrer toda essa aflição". Mas não morrerão. A Bíblia diz que os agentes de Satanás, gafanhotos, ferirão os homens. São gafanhotos de uma espécie diferente, dotados da mesma peçonha dos escorpiões."Foi-lhes dito que não causassem dano à erva verde da terra, nem a verdura alguma, nem a árvore alguma, mas somente aos homens que não têm na testa o selo de Deus. Foi-lhes permitido que não os matassem, mas que por cinco meses os atormentassem. E o seu tormento era semelhante ao tormento do escorpião, quando fere o homem.Naqueles dias os homens buscarão a morte mas não a acharão; desejarão morrer, mas a morte fugirá deles" .(Ap 9.3-6).Ah! Que dia terrível será aquele! Diz-nos a Palavra do Senhor que os ímpios estão destinados à eterna perdição e ao julgamento do trono bran "Então vi um grande trono branco, e o que estava assentado sobre ele. Da presença dele fugiram a terra e o céu, e não se achou lugar para eles. E vi os mortos, grandes e pequenos, e abriram-se os livros.Os mortos foram julgados pelas coisas que estavam escritas nos livros, segundo as suas obras. Então a morte e o inferno foram lançados no lago de fogo. Esta é a segunda morte. E todo aquele que não foi achado inscrito no livro da vida , foi lançado no lago de fogo"(Ap 20.11-12,14-15). Preste atenção ao que diz a Palavra: a) "Eu vi... (os) grandes e pequenos... ". Esta expressão, grandes e pequenos não se refere à estatura física e sim à posição social de cada indivíduo aqui na terra. Naquele dia estarão ali, diante do trono branco, governados e governantes, pobres e ricos, pretos e brancos, sábios e ignorantes. Todos os homens, sem exceção alguma, estarão ali diante do Senhor para serem julgados.Naquele dia estarão ali as grandes estrelas de Hollywood, os grandes astros do rock que em suas canções amaldiçoam a Jesus Cristo e exaltam a Satanás. Naquele dia estarão ali aqueles considerados "ídolos", os quais desprezam a Deus e querem a glória para si mesmos. Naquele dia estarão ali grandes e pequenos, e todos eles tremerão diante do Senhor. b) "... e abriram-se os livros...". Eu creio que um dos livros a serem abertos ali, naquele dia, é o livro da consciência. Deus fará com que a mente humana, semelhante a uma fita de vídeo, reproduza toda a existência de cada uma das pessoas. Deus não acusará a pessoa alguma. Será a própria mente humana que acusará o homem diante de Deus, mostrando-lhe todos os seus atos praticados em vida aqui na terra. Naquele dia, diante do trono do Senhor, mulheres lembrar-se-ão do momento em que o fórceps extraiu-lhes do útero um indefeso embrião, usurpando-lhe o direito à vida. Naquele dia todas as coisas estarão transparentes, cristalinas e reveladas diante do Senhor. Naquele dia o joio vai deixar de perturbar o trigo. Naquele dia as máscaras de religiosidade cairão por terra e todos hão de ver "outra vez a diferença entre o justo e o ímpio, entre o que serve a Deus e o que não o serve". (Está chegando esse dia). Depois que todos forem julgados, o Senhor também julgará o "príncipe deste mundo".Naquele dia, o Senhor Jesus Cristo será exaltado e enaltecido acima de todos os seres e poderes; todos os joelhos se dobrarão diante dele e exaltarão o seu nome. "... Cristo Jesus, pois ele, subsistindo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, mas a si mesmo se esvaziou, tomando a forma de servo,fazendo-se semelhante aos homens. E achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz- Pelo queDeus o exaltou soberanamente, e lhe deu um nome que é sobre todo nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo joelho dos que estão nos céus, na terra e debaixo da terra, e toda língua confesse que Cristo Jesus é o Senhor para a glória de Deus Pai"(Fp2. 6-11).Naquele dia, os husselitas (Testemunhas de Jeová), que afirmam que Jesus não é Deus, mas apenas um profeta semelhante aos demais, virão e se ajoelharão diante de Jesus, declarando: "Jesus, tu és Deus! Jesus, tu és Senhor!"Naquele dia, Joseph Smith, pai do mormonismo, virá e terá que se ajoelhar diante de Jesus e declarar para a glória de Deus Pai: "Jesus, tu és Deus! Jesus, tu és Senhor!" Naquele dia, Allan Kardec, sistematizador do espiritismo moderno, virá e terá que se ajoelhar diante de Jesus e declarar para a glória de Deus Pai: "Jesus, tu és Deus! Jesus, tu és Senhor!" Naquele dia, as "mães e pais de santos" e todas as pessoas que entregaram suas mentes ao diabo e às suas mentiras, terão que se ajoelhar diante de Jesus e declarar para a glória de Deus Pai: "Jesus, tu és Deus! Jesus, tu és Senhor!" Será assim com todos: Buda, Maomé, Confúcio, César, Nero, Pilatos, Herodes, Karl Max, Hitler, entre tantos outros que negaram a Jesus e perseguiram os seus seguidores, curvar-se-ão, reverentemente, diante de Jesus e clamarão para a glória de Deus Pai: "Jesus, tu és Deus! Jesus, tu és Senhor!" Finalmente, também virá Lúcifer, a estrela errante, a antiga serpente, o tentador das nações, o pai do anticristo, da besta e do falso profeta, e, ajoelhado, humildemente, reconhecerá para a glória de Deus Pai: "Jesus, tu és Deus! Jesus, tu és Senhor! Jesus, tu vencestes!" A Igreja já glorificada, reunida em torno do Senhor Jesus Cristo, bradará em uníssono, apontando na direção do príncipe dos demônios: "Senhor Jesus, eis o acusador dos santos. Ele perseguiu e derramou o sangue de nossos irmãos. Ele arrastou para a lama a muitos da sua Igreja".Querido leitor, está chegando a hora em que todos hão de ver a "diferença entre o justo e o ímpio, entre o que serve a Deus e o que não o serve". O justo receberá a vida eterna. A Bíblia afirma em João 5.24: "Em verdade, em verdade vos digo que quem ouve as minhas palavras t crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida eterna ".Os justos serão arrebatados."Pois o mesmo Senhor descerá do céu com grande brado, à voz do arcanjo, ao som da trombeta de Deus, e os que morreram em Cristo ressurgirão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, para o encontro com o Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor" (1 Ts 4.16-17).É o próprio Senhor Jesus Cristo quem virá nos buscar. Se a Igreja está desejosa de encontrar-se com Cristo, maior é o seu desejo de encontrar-se com Sua Igreja, pois está escrito: "Ele nos amou primeiro" (1 Jo4.10).O salmista Asafe contemplou a diferença entre o justo e o ímpio quando entrou no santuário de Deus. Ali ele pôde reconhecer que o Senhor coloca os ímpios em lugares escorregadios; eles ficam assolados, repentinamente. Asafe, ao contrário, sentia segurança nas mãos de Deus, era guiado pelo conselho divino, seria recebido em glória. Tudo pela fé. Afirmou, com convicção: "Ainda que a minha carne e o meu coração desfaleçam, Deus é a fortaleza do meu coração e a minha herança para sempre. Os que se afastam de ti,eis que perecem; tu destróis todos os que são infiéis para contigo. Quanto a mim, bom é estar junto a Deus; no Senhor Deus ponho o meu refúgio, para proclamar todos os seus feitos ".(Sl 73.26-28)É esta fé e certeza de Asafe que nos faz contemplar o Dia do Senhor e proclamar os seus feitos; um desses feitos será sua volta: rodeado de seus anjos, dando suas ordens, como Rei e Senhor do Universo. Arcanjo, é chegada a hora! Diz Jesus, levantando-se do trono e dirigindo-se a um ser celestial vestido de vestes resplandecentes. O arcanjo ouve reverentemente o que Jesus lhe diz. Em seguida, levando ambas as mãos, em forma de cone, à boca, faz ressoar por toda a abóbada celeste seu brado de júbilo: "É chegada a hora!" Miríades, querubins, serafins, clama o arcanjo, é chegada a hora!Os anjos virão à frente de Jesus para opor-se às hostes infernais que estão alojadas no espaço (Ef 6.12). Essas hostes demoníacas tentarão impedir a subida da Igreja até os ares. Mas os anjos, com suas espadas inflamantes desembainhadas expulsarão dali as legiões demoníacas. E Jesus, descendo até as alturas dirá à Igreja: "Levanta-te, amada minha, povo meu, e vem!" Esse momento está chegando. A Bíblia nos exorta a estar preparados para esse dia: "Estejam cingidos os vossos lombos e acesas as vossas candeias " (Lc 12.15). Jesus está chegando. A hora ou ímpio.é esta para reascender as nossas lâmpadas espirituais e reabastercer-nos com o óleo da unção do Espírito Santo.Está chegando a hora em que todos, grandes e pequenos, saberão a diferença que há entre o justo e o ímpio, entre o que serve a Deus e o que não O serve. Não há mais tempo para brincadeiras espirituais. Quem for santo, santifique-se mais; quem for imundo, continue na sua imundície, porque não há mais tempo para ser uma coisa ou outra, ou santo ou profano, ou justo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderemos a todos sempre que necessário.Obrigado pela visita ao site.

Israel Na Grande Tribulação / O Holocausto Foi Mentira?

Israel sempre foi um povo sofrido, desde os tempos de Abraão, Isaque, e Jacó. Sua sobrevivência sempre esteve ameaçada por muitos povos vizi...