WhatsApp

Kit 5 Tenis Masculino Da Polo Open Original

Translate

O PLANO DE DEUS PARA A HISTÓRIA.



O plano de Deus para a humanidade

A Bíblia também deixa claro que Deus tem um plano unificado para toda a história. Seu objetivo
final ", um plano para a plenitude dos tempos", é "para unir todas as coisas nele [Cristo], as coisas no
céu e na terra" (Ef 1:10), " para louvemos a glória de Deus." (Efésios 1:12). Deus tinha um plano desde o princípio: "Lembrai-vos idas coisas passadas desde a antiguidade: que eu sou Deus, e não há outro Deus, não há outro semelhante a mim; que anuncio o fim desde o princípio e, desde a antiguidade, as coisas que ainda não sucederam; que digo: o meu conselho será firme, e farei toda a minha vontade "(Is 46:9-10). "Ao chegar a plenitude dos tempos," quando o momento era apropriado no plano de Deus:



 http://www.imagemfolheados.com.br/?a=126726

                                                               VISITE O SITE

"Deus enviou seu Filho, nascido de mulher, nascido sob a lei, para resgatar os que estavam debaixo da lei" (Gl 4:04 -5).
A obra de Cristo na terra, e, especialmente, sua crucificação e ressurreição, é o clímax da história; é o
grande ponto da historia em que Deus definitivamente realiza a salvação tão esperada e prometida
durante todo o Antigo Testamento. A era atual olha para trás e ver o trabalho Cristo concluido, mas
também aguarda com expectativa a consumação de sua obra redentora, que acontecerá na volta de
Cristo, no qual seram criados os "novos céus e uma nova terra, onde habita a justiça" (2 Pedro 3:13;. Ver Ap. 21:01-22:05).
A unidade do desígnio de Deus faz com que seja adequado para ele incluir
promessas e previsões em
pontos anteriores no tempo, e, em seguida, nas
realizações destes em tempos posteriores. Às vezes, as
promessas são de forma
explícita, como quando Deus promete a vinda do Messias, o grande Salvador
que Israel esperava (Isaías 9:6-7). Às vezes, as promessas tomam formas
simbólica, como quando Deus ordenou o sacrifício de animais para serem oferecidos como um símbolo para o perdão dos pecados (Levítico 4). Em si mesmos, os sacrifícios de animais não foram capazes de remover ou expiar completamente o pecado (Heb. 10:1-18). Eles apontavam para Cristo, que é o sacrifício final e
completo pelos pecados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderemos a todos sempre que necessário.Obrigado pela visita ao site.

O Crente Pode Se Vestir Como Quiser? Não haverá traje de homem na mulher, e nem vestirá o homem roupa de mulher; porque, qualquer que faz isto, abominação é ao Senhor teu Deus. Deuteronômio 22:5

Quando lemos passagens como esta percebemos que Deus queria realmente proteger a sua criação de tomar rumos aos quais Ele não aprovaria. E ...