WhatsApp

Translate

COMO INTERPRETAR PROFECIAS CORRETAMENTE


A Bíblia da promessa para a igreja do Senhor em particular que será arrebatar a igreja antes da tribulação conforme João 14.23, 1 Cor. 15.51.52, 1 Tess 4.13-18).  Mas o que fazer com as passagens simbólicas ? Bom a Bíblia não é contraditória. Mesmo tendo sido escrita a milhares de anos por vários altores diferentes ela é fiel, e coerente no uso dos termos que não muda.

As profecias são como um mapa rodoviário de Deus que nos dirige a felicidade eterna e nos garante sucesso na viagem para a eternidade. As profecias bíblicas na maioria das vezes requer interpretação literal, isto é, o que está escrita isso é. A chave para interpretar estas profecias está em discernir o que é literal e o que não é. Portanto essa  é a melhor maneira de evitar erros ao interpretar a palavra profética.
interpretar a profecia literalmente sempre que possível. Deus queria dizer o que disse e por isso disse a palavra profética, isto é inspirou homens que da parte de deus nos falou inspirados pelo Espírito Santo (2 Pe 1.21-Porque a profecia nunca foi produzida por vontade de homem algum, mas os homens santos de Deus falaram inspirados pelo Espírito Santo.) ao escrever a Bíblia.
Por este motivo nós podemos considerara a Bíblia literalmente na maioria das vezes. Deus nos deixa óbvio aquilo que quer que interpretemos simbolicamente. Uma das rasões pelas quais temos dificuldades com interpretações do livro do apocalipse e que tentamos espiritualizar os símbolos encontrado no livro.
Não obstante já que temos presenciados muitas profecias do antigo testamento se cumpriram literalmente, sabemos que estamos no caminho certo temos exemplos que Deus transformou água em sangue literalmente . Assim sabemos que eventos futuros se cumpriram também. Só interpretamos como figura de linguagem quando isso fica óbvio ao se ler o texto e contexto.
As profecias que dizem respeito a Israel e a igreja não devem ser misturadas. As promessas de Deus a se cumprirem nos últimos dias particularmente com respeito a israel particularmente quanto ao seu castigo, isso nada tem a ver com a igreja.
A Bíblia da promessa para a igreja do Senhor em particular que será arrebatar a igreja antes da tribulação conforme (João 14.23, 1 Cor. 15.51.52, 1 Tess 4.13-18 - Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada.Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados; Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados.Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já dormem, para que não vos entristeçais, como os demais, que não têm esperança. Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus dormem, Deus os tornará a trazer com ele. Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem. Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor.
Portanto, consolai-vos uns aos outros com estas palavras.). 
Veja que Jesus falou e o apóstolo Paulo também, unificando assim a interpretação profética, uma vez que Paulo não andou com Jesus, e não tinhamos o Novo Testamento ainda.
Mas o que fazer com as passagens simbólicas ?
Bom a Bíblia não é contraditória.
Mesmo tendo sido escrita a milhares de anos por vários altores diferentes ela é fiel, e coerente no uso dos termos que não muda. Daniel explica que a palavra simboliza um rei ou um reino (Dn 7.8-Estando eu a considerar os chifres, eis que, entre eles subiu outro chifre pequeno, diante do qual três dos primeiros chifres foram arrancados; e eis que neste chifre havia olhos, como os de homem, e uma boca que falava grandes coisas. ).
 Ao examinar ao contexto de Apocalipse, e Daniel você vê se  que a besta nos dois livros significa a mesma coisa.
Muitos outros símbolos encontrados são iguais nos respectivos livros Ap 2.7,  22.2,14 Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no meio do paraíso de Deus. No meio da sua praça, e de um e de outro lado do rio, estava a árvore da vida, que produz doze frutos, dando seu fruto de mês em mês; e as folhas da árvore são para a saúde das nações.Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas.- ). O livro da vida( Ap 3.5, Babilônia Ap 14.8. E outro anjo seguiu, dizendo: Caiu, caiu Babilônia, aquela grande cidade, que a todas as nações deu a beber do vinho da ira da sua fornicação).
Temos também alguns símbolos do Apocalipse tirados do próprio novo testamento.
Entre estes está um termo a (Palavra de Deus). (Filho do homem .1.13, 14.14 - E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro.E olhei, e eis uma nuvem branca, e assentado sobre a nuvem um semelhante ao Filho do homem, que tinha sobre a sua cabeça uma coroa de ouro, e na sua mão uma foice aguda.) (Bodas do cordeiro 19.9), (a esposa 21.9, 22.17) (primeira ressurreição 20.5,6) (segunda morte 2.11, 20.6,14,  21.8). E etc.
Mesmo que algumas destas passagens devam ser interpretadas simbolicamente e importante lembrar que símbolos na bíblias retratam pessoas coisas e eventos reais. Por exemplo os castiçais de apocalipse representam Igrejas que existiam  quando no momento da profecias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderemos a todos sempre que necessário.Obrigado pela visita ao site.

Como Será Os últimos Dias ? A Vinda De Cristo.

Várias expressões na Bíblia Aponta para os tempos finais desse sistema antes da volta de Jesus. Muitas vezes chamamos de os últimos dias, úl...