O Que é Heresia? Detectando Heresias

Examinando mias amiúde, heresia deriva da palavra grega háiresis e significa: "escolha", "seleção", "preferência".  Daí surgiu a palavra seita, por efeito de semântica.  Semântica quer dizer, o ramo da linguística que estuda o significado das palavras. Ela trata sobre o sentido que se atribui às frases e expressões.  A semântica adequada requer um bom conhecimento sintático, pois a construção das orações influencia diretamente na clareza e significação dos enunciados.
Examinando mias amiúde, heresia deriva da palavra grega háiresis e significa: "escolha", "seleção", "preferência". 
Daí surgiu a palavra seita, por efeito de semântica. 
Semântica quer dizer, o ramo da linguística que estuda o significado das palavras. Ela trata sobre o sentido que se atribui às frases e expressões. 
A semântica adequada requer um bom conhecimento sintático, pois a construção das orações influencia diretamente na clareza e significação dos enunciados.
Do ponto de vista cristão, heresia é o ato de um indivíduo ou de um grupo afastar-se do ensino genuinamente bíblico, e adotar e divulgar suas próprias ideias, ou as ideias de outrem, em se tratando do ensino religiosa. 
Em resumo, é o abandono da verdade. 
O termo háiresis aparece no original em Atos dos Apóstolos. 
¹⁷ E, levantando-se o sumo sacerdote, e todos os que estavam com ele (e eram eles da seita dos saduceus), encheram-se de inveja, 
Atos 5:17
⁵ Alguns, porém, da seita dos fariseus, que tinham crido, se levantaram, dizendo que era mister circuncidá-los e mandar-lhes que guardassem a lei de Moisés. 
Atos 15:5
⁵ Temos achado que este homem é uma peste, e promotor de sedições entre todos os judeus, por todo o mundo; e o principal defensor da seita dos nazarenos; 
Atos 24:5
⁵ Sabendo de mim desde o princípio (se o quiserem testificar), que, conforme a mais severa seita da nossa religião, vivi fariseu. 
Atos 26:5
²² No entanto bem quiséramos ouvir de ti o que sentes; porque, quanto a esta seita, notório nos é que em toda a parte se fala contra ela. 
Atos 28:22
O estudo da heresiologia é importante, sobretudo pelo fato de os ensinos heréticos e o surgimento das seitas serem parte da escatologia, isto é, um dos sinais do fim dos tempos sobre os quais falaram Jesus e seus apóstolos. 
O apóstolo Paulo, por exemplo, nos dois primeiros versículos do capítulo quatro da sua primeira epístola a Timóteo, escreve:
 "Mas o Espírito afirma expressamente que, nos últimos tempos alguns apostatarão da fé, por obedecerem a espíritos enganadores e a ensinos de demônios, pela hipocrisia dos que falam mentiras, e que têm cauterizada a própria consciência". 
O apóstolo Pedro escreve também: 
"Assim como no meio do povo surgiram falsos profetas, assim também haverá entre vós falsos mestres, os quais introduzirão dissimuladamente heresias destruidoras, até ao ponto de negarem o Soberano Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição. E muitos seguirão as suas práticas libertinas, e, por causa deles, será infamado o caminho da verdade; também, movidos por avareza, farão comércio de vós, com palavras fictícias; para eles o juízo lavrado há longo tempo não tarda, e a sua destruição não dorme" (2 Pe 2.1-3). 
Uma seita é identificada, em geral, por aquilo que ela prega a respeito dos seguintes assuntos: 
1. A Bíblia Sagrada.
3. A Pessoa de Deus. 
4. A queda do homem e o pecado 
5. A Pessoa e a obra de Cristo 
6. A salvação da alma 
7. O futuro da humanidade. 
Se o que uma seita ensina sobre estes assuntos não se coaduna com as Escrituras Sagradas, podemos estar certos de que estamos diante duma seita herética. 
Entre as muitas razões para o surgimento de seitas falsas no mundo, hoje, destacam-se as seguintes: 
1. A ação diabólica no mundo (2 Co 4.4). 
⁴ Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus, 2 Coríntios 4:4.
2. A ação diabólica contra a Igreja contradizendo a mensagem que o pecador recebeu (Mt 13.25). 
²⁵  Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se. 
Mateus 13:25
3. A ação diabólica contra a Palavra de Deus (Mt 13.19). 
¹⁹ Ouvindo alguém a palavra do reino, e não a entendendo, vem o maligno, e arrebata o que foi semeado no seu coração; este é o que foi semeado ao pé do caminho, Mateus 13:19.
4. O descuido da Igreja em pregar o Evangelho completo (Mt 13.25). 
²⁵ Mas, dormindo os homens, veio o seu inimigo, e semeou joio no meio do trigo, e retirou-se, Mateus 13:25.
5. A falsa hermenêutica (2 Pe 3.16). 
¹⁶ Falando disto, como em todas as suas epístolas, entre as quais há pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, e igualmente as outras Escrituras, para sua própria perdição, 2 Pedro 3:16.
6. A falta de conhecimento da verdade bíblica para ensinar (1 Tm 2.4). 
⁴ Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade, 1 Timóteo 2:4.
7. A falta de maturidade espiritual (Ef 4.14). 
¹⁴ Para que não sejamos mais meninos inconstantes, levados em roda por todo o vento de doutrina, pelo engano dos homens que com astúcia enganam fraudulosamente, Efésios 4:14.
Esperamos, pois, que a leitura deste Blog possa de alguma forma ajudar àqueles que estão à procura da verdade libertadora, Jesus Cristo (Jo 8.32).

Comentários