WhatsApp

Kit 5 Tenis Masculino Da Polo Open Original

Translate

A ELEIÇÃO ( evklogh, )COMO DEUS ELEGE?

Evklogh, – seleção, escolha, eleição cf. GD) é a doutrina bíblica que mostra o amor, a compaixão e a ação de Deus que é soberano para escolher para Si, dentre os pecadores, um povo que foi redimido pelo sangue de Seu Filho Jesus Cristo, santificado pela ação poderosa do Espírito Santo, sendo assim preparado para boas obras e para herdar a vida eterna.Ela foi estabelecida desde a eternidade, antes mesmo de tudo ser criado, quando era somente o Deus Triúno existindo na mais plena comunhão consigo mesmo (Rm. 9.11; 11.7;Ef. 1.4, 5 e 11; 1Ts. 1.4).Estudar essa verdade é trazer ao coração o conforto e a consolação, e, não perplexidade e confusão como propõe os oponentes dessa doutrina. É saber, como disse Francisco Leonardo Schalkwijk: “...pois o Espírito Santo soprou esse segredo no ouvido da igreja não para assustá-la, mas para confortá-la. É como um cochicho do noivo no ouvido da noiva: ‘Como te amo’.” (SCHALKWIJK, 2002, p.62).1.1 – Conceitos Bíblicos e Teológicos da Eleição Este assunto está totalmente embasado nas Escrituras, tanto no Antigo como no Novo Testamento. As seguintes referências confirmam Is. 65.9 “Farei sair de Jacó descendência e de Judá, um herdeiro que possua os meus montes; e os meus eleitos (yr;yxib.) herdarão a terra e os meus servos habitarão nela”.(BEA-RA). (Grifo é meu).16 Mt. 24.24 “porque surgirão falsos cristos e falsos profetas operando grandes sinais e prodígios para enganar, se possível, os próprios eleitos (evklektou,j)”. (BEG-RA). (Grifo é meu).Mc. 13.20 “Não tivesse o Senhor abreviado aqueles dias, e ninguém se salvaria; mas, por causa dos eleitos que ele escolheu (evklektou.j ou]j evxele,xato), abreviou tais dias”.(BEA-RA). (Grifo é meu). - Rm. 8.33 “Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus (evklektw/n qeou/)? É Deus quem os justifica”. (BEG-RA). (Grifo é meu).Cl.3.12 “Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus (evklektoi. tou/ qeou/), santos e amados, de ternos afetos de misericórdia, de bondade, de humildade, de mansidão, de longanimidade”. (BEG-RA,1999). (Grifo é meu),1Pe. 1.1 e 2 “Pedro, apóstolo de Jesus Cristo, aos eleitos (evklektoi/j) que são forasteiros da Dispersão no Ponto, Galácia, Capadócia, Ásia e Bitínia, eleitos, segundo a presciência de Deus Pai (kata. pro,gnwsin qeou/ patro,j), em santificação do Espírito, para a obediência e a aspersão do sangue de Jesus Cristo, graça e paz vos sejam multiplicadas”.(BEG-RA). (Grifo é meu).Sl. 105.6 “vós, descendentes de Abraão, seu servo, vós, filhos de Jacó, seus escolhidos(wyr'yxiB.)”. (BEA-RA). (Grifo é meu).Ef. 1.11 “nele, digo, no qual fomos também feitos herança, predestinados segundo o propósito daquele que faz todas as coisas conforme o conselho da sua vontade”(proorisqe,ntej kata. pro,qesin tou/ ta. pa,nta evnergou/ntoj kata. th.n boulh.n tou/ qelh,matoj auvtou/). (BEA-RA). (Grifo é meu). Muitos outros textos afirmam que Deus escolheu para Si aqueles que herdarão a salvação. Tal verdade é incontestável. Negá-la equivale a negar a Palavra de Deus.17 No Antigo Testamento, o conceito de Eleição estava presente, pois Deus sempre tratou pessoalmente com o Seu povo. Israel sempre entendeu que era o povo escolhido de Deus;basta uma análise cuidadosa na história do povo hebreu, e, logo se perceberá que Deus escolhera a Israel para ser o Seu povo, e, para que através deste povo, a revelação da Sua Pessoa fosse anunciada aos povos da terra. Veja-se as seguintes passagens: Ne. 9.7: “Tu és o Senhor, o Deus que escolheu Abrão, trouxe-o de Ur dos caldeus e deu-lhe o nome de Abraão” (NVI).Is. 41.8: “Mas tu, ó Israel, servo meu, tu, Jacó, a quem elegi, descendente de Abraão, meu amigo” (BEA-RA). Pode ser vista com muita clareza nas palavras de Deus a Abraão quando por ocasião do Seu pacto com este, a verdade de que Ele escolhera um povo, e, através deste, Se revelar ao mundo: “...em ti serão benditas todas as famílias da terra” (Gn. 12. 3) (BEA-RA). Sobre o conceito de Eleição no Velho Testamento, Samuel Falcão afirma citando B.B. Warfield:“Segundo a concepção vétero-testamentária, Deus só conhece de antemão porque predestinou, e, portanto, é também por isso que ele faz que aconteça...” (FALCÃO, 1989,p.48). Este mesmo conceito passou para as páginas do Novo Testamento, e, agora, o povo escolhido de Deus é a Sua Igreja. E essa verdade tem uma importância tão grande na vida dos crentes, que os apóstolos sempre se dirigiam aos crentes daquela época, chamando-os sempre de “eleitos”. Paulo se dirigia aos irmãos chamando-os de eleitos: - Rm.8.33: “Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus (evklektw/n qeou/)? É Deus quem os justifica”. (BEG-RA) (Grifo é meu).18 Cl. 3.12: “Revesti-vos, pois, como eleitos de Deus (evklektoi. tou/ qeou/) , santos e amados, de ternos afetos de misericórdia, de bondade, de humildade, de mansidão, de longanimidade”. (BEG-RA) (Grifo é meu).2 Tm. 2.10: “É por isso que tudo suporto, por causa dos eleitos (tou.j evklektou,j) fim de que também eles obtenham a salvação que está em Cristo Jesus, com a glória eterna” (BJ)(Grifo é meu).Tt. 1.1: “Paulo, servo de Deus, apóstolo de Jesus Cristo para levar os eleitos (evklektw/n) de Deus à fé e ao conhecimento da verdade conforme a piedade” (BJ) (Grifo é meu). Pedro também chamava os crentes de “eleitos”: 1Pe. 1.1 e 2: “Pedro, apóstolo de Jesus Cristo, aos eleitos (evklektoi/j) que são forasteiros da Dispersão no Ponto, Galácia, Capadócia, Ásia e Bitínia, eleitos, segundo a presciência de Deus Pai (kata. pro,gnwsin qeou/ patro,j), em santificação do Espírito, para a obediência e a aspersão do sangue de Jesus Cristo, graça e paz vos sejam multiplicadas”.(BEG-RA) (Grifo é meu). 1Pe. 2.9: “Vocês, porém, são geração eleita (ge,noj evklekto,n), sacerdócio real, nação santa, povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz.” (NVI) (Grifo é meu). João também reconhecia essa verdade na vida dos crentes que estavam sob seus cuidados: 2Jo. 1: “O presbítero à senhora eleita (evklekth/| kuri,a|) e aos seus filhos, a quem amo na verdade, - e não apenas eu os amo, mas também todos os que conhecem a verdade” (NVI) (Grifo é meu). 2Jo. 13: “Os filhos da sua irmã eleita (evklekth/j) lhes enviam saudações” (NVI) (Grifo é meu).1 Ap. 17.14: “Pelejarão eles contra o Cordeiro, e o Cordeiro os vencerá, pois é o Senhor dos senhores e o Rei dos reis; vencerão também os chamados, eleitos (klhtoi. kai. evklektoi.) e fiéis que se acham com ele.” (BEA-RA) (Grifo é meu).O conceito bíblico sobre a Eleição é muito amplo. Há muitos outros textos que podem ser apresentados para tal constatação. Também é muito importante que seja observado o conceito teológico do assunto. O que dizem os teólogos sobre o assunto? Teologica mente falando, há uma diferença entre a Eleição e a Predestinação. Geralmente, pensa-se em ambas como sinônimas. Mas, a Predestinação está ligada aos Eternos Decretos de Deus em todas as esferas da vida, enquanto que a Eleição diz respeito somente à Salvação dos pecadores escolhidos por Deus. R.K. Mc Gregor Wright diz (WRIGHT, 1998, p. 82):“Cada fato, relação e evento da criação tem um lugar no plano eterno de Deus,exatamente como o lançar a sorte com a moeda como fizeram os soldados com a túnica de Jesus (Jo. 19. 23 – 24) que, por meio disso literalmente cumpriram uma minúscula profecia no Salmo 22.18, uma profecia feita cerca de mil anos antes.”É muito importante fazer essa distinção. A doutrina da Predestinação mostra a soberania de Deus no controle do universo (o que põe por terra o Deísmo2) do mais simples ao complexo sistema. Enquanto isso, a doutrina da Eleição mostra a soberania de Deus na salvação de pecadores. SHALOM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderemos a todos sempre que necessário.Obrigado pela visita ao site.

O Crente Pode Se Vestir Como Quiser? Não haverá traje de homem na mulher, e nem vestirá o homem roupa de mulher; porque, qualquer que faz isto, abominação é ao Senhor teu Deus. Deuteronômio 22:5

Quando lemos passagens como esta percebemos que Deus queria realmente proteger a sua criação de tomar rumos aos quais Ele não aprovaria. E ...