WhatsApp

Kit 5 Tenis Masculino Da Polo Open Original

Translate

O DIZIMO É CORRETO OU NÃO?


O dízimo é bíblico?
Estaria a lei do dízimo em vigor no Novo Testamento ?
Tratando-se dum assunto um tanto polêmico, que tem dividido as opiniões, pois uns defendem que a lei do dízimo está em vigor, pelo que, quem não der à sua igreja 10% do seu vencimento está a roubar a Deus, enquanto outros defendem que, tratando-se duma lei do Velho Testamento, está revogada assim como toda a velha Lei.
Vamos abordar o problema, com a intenção de ajudar quem tiver interesse no assunto, ou quem não tenha oportunidade de ouvir as duas opiniões para poder tirar as suas conclusões.
Tencionava inicialmente, pedir a duas pessoas conhecedoras da Bíblia, mas de opiniões contrárias, que pusessem por escrito as suas opiniões, mas, em vez disso, vamosi publicar a seguinte série de cartas, que teve origem num artigo duma revista evangélica, que apresento em primeiro lugar, seguido da minha carta, em que reajo a esse artigo, seguindo-se uma troca de cartas sobre o assunto, com um Pastor que teve a amabilidade de compilar uma grande quantidade de argumentos a favor do dízimo nos nossos dias.
Embora tenha idéias divergentes desse Pastor com quem contatei, penso que ele fez um bom trabalho, compilando todos os argumentos de quem defende a doutrina do dízimo nos nossos dias, e fê-lo sempre de forma digna, utilizando linguagem correta, pelo que optei pela divulgação destes documentos, que estão por ordem cronológica embora fossem ligeiramente alterados ao suprimir partes que continham assuntos pessoais e não diziam respeito ao assunto de que estamos a tratar. (Artigo publicado numa revista evangélica)
 I - O Dízimo está na lei de Deus. 1.300 anos antes de Cristo.
 Deus ordenou que seus filhos trouxessem o Dízimo, oferta alçada, oferta voluntária, holocaustos e outros votos, ao lugar de culto. Deuteronômio 12:5/6, 12:11; 14:22.
II - O Dízimo está nos profetas. 800 anos mais tarde, ou 500 anos antes de Cristo.
O profeta do Senhor confirma e atualiza a lei, não só em relação ao Dízimo, mas também sobre ofertas alçadas, dizendo mesmo ser roubo não pagá-los e declarando, em nome do Senhor, haver maldição ao infrator. Malaquias 3:7/10.
 III - O Dízimo está nas palavras de Jesus Cristo. 600 anos após o profeta e 1.300 depois da lei, Jesus Cristo, nosso único mestre Mateus 23:7/10, confirma a lei e os profetas, e afirma que NINGUÉM DEVE DEIXAR DE PAGAR O DÍZIMO. Mateus 23:23; Lucas 11:42.
Portanto, deixar de pagar o Dízimo é ir de encontro à Palavra de Cristo, é desobedecer a Cristo, é discordar de Cristo, é renegar o ensino de Cristo.
IV - O Dízimo está antes da Lei. 2.000 anos antes de Cristo e 700 anos antes da Lei. Abraão, o patriarca, pagou o Dízimo de tudo ao sacerdote Melquisedec, rei de Salém, rei da Justiça. Hebreus 7:1/2; Gênesis 14:18/20.
V - O Dízimo está em vigor até a volta de Cristo. Jesus Cristo é sacerdote segundo a ordem de Melquisedeque o qual recebeu Dízimo, e não segundo a ordem levítica.
Os filhos de Levi têm ordem, segundo a Lei, de tomar Dizimo, do povo isto é, dos seus irmãos Hebreus 7:5. Estes, “certamente tomam dízimos homens que morrem”. “ali”, (Jesus Cristo, o qual toma Dízimo também).
“Aquele de quem se testifica que vive" Hebreus 7:8. Pelas palavras do escritor da carta aos Hebreus, 60 anos depois da palavra de Cristo, vemos o Dízimo pertencendo ao sacerdócio de Levi e ao sacerdócio de Melquisedeque, e Jesus segundo a ordem de Melquisedeque Hebreus 7:21, isto é sacerdote eterno Hebreus 7:24, cujo sacerdócio está até hoje e para sempre.
 O Dízimo segundo Hebreus capítulo 7, foi antes do sacerdócio levítico, durante o mesmo e continua depois do mesmo; é mandamento portanto da lei e da graça: da velha e da nova dispensação de que Cristo é o Sumo Sacerdote.
Logo o Dízimo é mandamento de Deus, para todos seus filhos, em vigor, até à volta de Cristo. CONCLUSÃO:
Quem não paga o Dízimo é porque não concorda com Cristo e Sua Palavra.
 Quem não paga o Dizimo não ama a Cristo, João 14:21/24; 15:14, pois é o melhor modo que Nosso Senhor achou para seus discípulos contribuírem para a manutenção das congregações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderemos a todos sempre que necessário.Obrigado pela visita ao site.

O Crente Pode Se Vestir Como Quiser? Não haverá traje de homem na mulher, e nem vestirá o homem roupa de mulher; porque, qualquer que faz isto, abominação é ao Senhor teu Deus. Deuteronômio 22:5

Quando lemos passagens como esta percebemos que Deus queria realmente proteger a sua criação de tomar rumos aos quais Ele não aprovaria. E ...