WhatsApp

Translate

A Tragetória Do Descendente De Eva Até o Calvario Gêneses 3.15 Lucas 22.53 .


A Trajetória Do Descendente De Eva Até o Calvário Gêneses 3.15 Lucas 22.53 .
E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar. E, visto como os filhos participam da carne e do sangue, também ele participou das mesmas coisas, para que pela morte aniquilasse o que tinha o império da morte, isto é, o diabo;
A semente de Eva esmaga a serpente. Comparemos com Hebreus.  1 João 3.8 Gênesis 12.3; 18.18; 22.18; 26.4 O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes de onde vem, nem para onde vai; assim étodo aquele que é nascido do Espírito. E abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoarem; e em ti serão benditas todas as famílias da terra. Visto que Abraão certamente virá a ser uma grande e poderosa nação, e nele serão benditas todas as nações da terra? E em tua descendência serão benditas todas as nações da terra; porquanto obedeceste à minha voz. E multiplicarei a tua descendência como as estrelas dos céus, e darei à tua descendência todas estas terras; e por meio dela serão benditas todas as nações da terra;
Todas as nações abençoadas por meio de Abraão. Ato s 3.25-26; Gálatas 3.8 Gênesis 13.15 
Vós sois os filhos dos profetas e da aliança que Deus fez com nossos pais, dizendo a Abraão: Na tua descendência serão benditas todas as famílias da terra. Ressuscitando Deus a seu Filho Jesus, primeiro o enviou a vós, para que nisso vos abençoasse, no apartar, a cada um de vós, das vossas maldades. Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti. E porei inimizade entre ti e a mulher, e entre a tua semente e a sua semente; esta te ferirá a cabeça, e tu lhe ferirás o calcanhar.
A sem ente de Abraão herda sua promessa.  Gálatas 3.15-16,19 Gênesis 14-18-20; Salmos 110.4 Sacerdócio segundo Melquisedeque Hebreus  5.6; 7.1-28 Gênesis 49.10 
Como podemos ver, Jesus nasceria da descendência de Adão e Eva.
Um governante procedendo de Judá. 
Lucas 1.32-33 Êxodo 12.1-13 Jesus o Cordeiro da Páscoa 1 Coríntios 5.7; 1 Pedro 1.19, tipificado em  Êxodo 16.4. 
 E falou o Senhor a Moisés e a Arão na terra do Egito, dizendo: Este mesmo mês vos será o princípio dos meses; este vos será o primeiro dos meses do ano. Falai a toda a congregação de Israel, dizendo: Aos dez deste mês tome cada um para si um cordeiro, segundo as casas dos pais, um cordeiro para cada família. Mas se a família for pequena para um cordeiro, então tome um só com seu vizinho perto de sua casa, conforme o número das almas; cada um conforme ao seu comer, fareis a conta conforme ao cordeiro. O cordeiro, ou cabrito, será sem mácula, um macho de um ano, o qual tomareis das ovelhas ou das cabras. E o guardareis até ao décimo quarto dia deste mês, e todo o ajuntamento da congregação de Israel o sacrificará à tarde. E tomarão do sangue, e pô-lo-ão em ambas as ombreiras, e na verga da porta, nas casas em que o comerem. E naquela noite comerão a carne assada no fogo, com pães ázimos; com ervas amargosas a comerão. Não comereis dele cru, nem cozido em água, senão assado no fogo, a sua cabeça com os seus pés e com a sua fressura. E nada dele deixareis até amanhã; mas o que dele ficar até amanhã, queimareis no fogo. Assim pois o comereis: 
Os vossos lombos cingidos, os vossos sapatos nos pés, e o vosso cajado na mão; e o comereis apressadamente; esta é a páscoa do Senhor. E eu passarei pela terra do Egito esta noite, e ferirei todo o primogênito na terra do Egito, desde os homens até aos animais; e em todos os deuses do Egito farei juízos. Eu sou o Senhor.
E aquele sangue vos será por sinal nas casas em que estiverdes.
 Vendo eu sangue, passarei por cima de vós, e não haverá entre vós praga de mortandade, quando eu ferir a terra do Egito.
Alimpai-vos, pois, do fermento velho, para que sejais uma nova massa, assim como estais sem fermento. Porque Cristo, nossa páscoa, foi sacrificado por nós. Mas com o precioso sangue de Cristo, como de um cordeiro imaculado e incontaminado.
Pão dos céus Ele Jesus João 6.31-33 Êxodo 24-8 .
Nossos pais comeram o maná no deserto, como está escrito: Deu-lhes a comer o pão do céu. Disse-lhes, pois, Jesus: Na verdade, na verdade vos digo: Moisés não vos deu o pão do céu; mas meu Pai vos dá o verdadeiro pão do céu. Porque o pão de Deus é aquele que desce do céu e dá vida ao mundo. Então tomou Moisés aquele sangue, e espargiu-o sobre o povo, e disse: Eis aqui o sangue da aliança que o Senhor tem feito convosco sobre todas estas palavras
Sangue da aliança Hebreus 9.11-28 Levítico 16.15-17.
Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação. Nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção.
Porque, se o sangue dos touros e bodes, e a cinza de uma novilha esparzida sobre os imundos, os santifica, quanto à purificação da carne,
Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?
E por isso é Mediador de um novo testamento, para que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia debaixo do primeiro testamento, os chamados recebam a promessa da herança eterna.
Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador.
Porque um testamento tem força onde houve morte; ou terá ele algum valor enquanto o testador vive?
Por isso também o primeiro não foi consagrado sem sangue;
Porque, havendo Moisés anunciado a todo o povo todos os mandamentos segundo a lei, tomou o sangue dos bezerros e dos bodes, com água, lã purpúrea e hissopo, e aspergiu tanto o mesmo livro como todo o povo,
Dizendo: 
Este é o sangue do testamento que Deus vos tem mandado. 
E semelhantemente aspergiu com sangue o tabernáculo e todos os vasos do ministério. E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão.
De sorte que era bem necessário que as figuras das coisas que estão no céu assim se purificassem; mas as próprias coisas celestiais com sacrifícios melhores do que estes. Porque Cristo não entrou num santuário feito por mãos, figura do verdadeiro, porém no mesmo céu, para agora comparecer por nós perante a face de Deus;
Nem também para a si mesmo se oferecer muitas vezes, como o sumo sacerdote cada ano entra no santuário com sangue alheio; De outra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo. Mas agora na consumação dos séculos uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo. 
E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo.
Assim também Cristo, oferecendo-se uma vez para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para salvação. Depois degolará o bode, da expiação, que será pelo povo, e trará o seu sangue para dentro do véu; e fará com o seu sangue como fez com o sangue do novilho, e o espargirá sobre o propiciatório, e perante a face do propiciatório.
Assim fará expiação pelo santuário por causa das imundícias dos filhos de Israel e das suas transgressões, e de todos os seus pecados; e assim fará para a tenda da congregação que reside com eles no meio das suas imundícias.
E nenhum homem estará na tenda da congregação quando ele entrar para fazer expiação no santuário, até que ele saia, depois de feita expiação por si mesmo, e pela sua casa, e por toda a congregação de Israel.
Sacrifício expiatório de sangue no Novo Testamento;  Romanos 3.25; Hebreus 9.11-28; 1 João 2.2 Números 21.8-9.
Ao qual Deus propôs para propiciação pela fé no seu sangue, para demonstrar a sua justiça pela remissão dos pecados dantes cometidos, sob a paciência de Deus; Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação.
Nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção. Porque, se o sangue dos touros e bodes, e a cinza de uma novilha esparzida sobre os imundos, os santifica, quanto à purificação da carne, Quanto mais o sangue de Cristo, que pelo Espírito eterno se ofereceu a si mesmo imaculado a Deus, purificará as vossas consciências das obras mortas, para servirdes ao Deus vivo?
E por isso é Mediador de um novo testamento, para que, intervindo a morte para remissão das transgressões que havia debaixo do primeiro testamento, os chamados recebam a promessa da herança eterna.
Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador.(Não acha?)
Porque um testamento tem força onde houve morte. 
Ou terá ele algum valor enquanto o testador vive?
Por isso também o primeiro não foi consagrado sem sangue;
Porque, havendo Moisés anunciado a todo o povo todos os mandamentos segundo a lei, tomou o sangue dos bezerros e dos bodes, com água, lã purpúrea e hissopo, e aspergiu tanto o mesmo livro como todo o povo, Dizendo: Este é o sangue do testamento que Deus vos tem mandado.
E semelhantemente aspergiu com sangue o tabernáculo e todos os vasos do ministério.
E quase todas as coisas, segundo a lei, se purificam com sangue; e sem derramamento de sangue não há remissão. De sorte que era bem necessário que as figuras das coisas que estão no céu assim se purificassem; mas as próprias coisas celestiais com sacrifícios melhores do que estes.
Porque Cristo não entrou num santuário feito por mãos, figura do verdadeiro, porém no mesmo céu, para agora comparecer por nós perante a face de Deus; Nem também para a si mesmo se oferecer muitas vezes, como o sumo sacerdote cada ano entra no santuário com sangue alheio;
De outra maneira, necessário lhe fora padecer muitas vezes desde a fundação do mundo. 
Mas agora na consumação dos séculos uma vez se manifestou, para aniquilar o pecado pelo sacrifício de si mesmo. Na morte de cruz .
E, como aos homens está ordenado morrerem uma vez, vindo depois disso o juízo, assim também Cristo, oferecendo-se uma vez para tirar os pecados de muitos, aparecerá segunda vez, sem pecado, aos que o esperam para salvação. 
E ele é a propiciação pelos nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo. 
E disse o Senhor a Moisés: 
Faze-te uma serpente ardente, e põe-na sobre uma haste; e será que viverá todo o que, tendo sido picado, olhar para ela.  E Moisés fez uma serpente de metal, e pô-la sobre uma haste; e sucedia que, picando alguma serpente a alguém, quando esse olhava para a serpente de metal, vivia. Era curado.
Porque queles que olhassem para o que estava erguido viveriam. João 3.14-15 Números 24.17 
E, como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado;
Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Vê-lo-ei, mas não agora, contemplá-lo-ei, mas não de perto; uma estrela procederá de Jacó e um cetro subirá de Israel, que ferirá os termos dos moabitas, e destruirá todos os filhos de Sete.
Um a estrela procedendo de Jacó. Apocalipse 22.16 Deuteronômio 18.18.
 Eis lhes suscitarei um profeta do meio de seus irmãos, como tu, e porei as minhas palavras na sua boca, e ele lhes falará tudo o que eu lhe ordenar.  Eu, Jesus, enviei o meu anjo, para vos testificar estas coisas nas igrejas. Eu sou a raiz e a geração de Davi, a resplandecente estrela da manhã.
Um profeta de Deus João 6.14; Atos 3.22-23 Deuteronômio 21.23.
Vendo, pois, aqueles homens o milagre que Jesus tinha feito, diziam:
 Este é verdadeiramente o profeta que devia vir ao mundo. Porque na ocasião Moisés disse aos pais: 
O Senhor vosso Deus levantará de entre vossos irmãos um profeta semelhante a mim; a ele ouvireis em tudo quanto vos disser. E acontecerá que toda a alma que não escutar esse profeta será exterminada dentre o povo.
A maldição de ser pendurado no madeiro. Gálatas 3.13 Deuteronômio 30.11 -14.
 Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; 
porque está escrito: 
Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro;  
Porque este mandamento, que hoje te ordeno, não te é encoberto, e tampouco está longe de ti. Não está nos céus, para dizeres: Quem subirá por nós aos céus, que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos?
Nem tampouco está além do mar, para dizeres: 
Quem passará por nós além do mar, para que no-lo traga, e no-lo faça ouvir, para que o cumpramos?
Porque esta palavra está mui perto de ti, na tua boca, e no teu coração, para a cumprires.
As ordenanças de Deus estariam  próximas, Romanos 10.6-8  e 2 Samuel 7.14; 1 Crônicas 17.13; Salmos 2.7.
Mas a justiça que é pela fé diz assim: 
Não digas em teu coração: 
Quem subirá ao céu? (isto é, a trazer do alto a Cristo. ) 
Ou: Quem descerá ao abismo? (isto é, a tornar a trazer dentre os mortos a Cristo. )
Mas que diz? 
A palavra está junto de ti, na tua boca e no teu coração; esta é a palavra da fé, que pregamos. 
Eu lhe serei por pai, e ele me será por filho; e, se vier a transgredir, castigá-lo-ei com vara de homens, e com açoites de filhos de homens. 
Proclamarei o decreto: 
O Senhor me disse: 
Tu és meu Filho, eu hoje te gerei.
O Filho de Deus estava ali; 
Mateus 3.17; 17.5; Marcos 1.11; 9.7; Lucas 3.22; 9.35; Atos 13.33; Hebreus 1.5 2 Samuel 7.16. 
E eis que uma voz dos céus dizia: 
Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo. 
E, estando ele ainda a falar, eis que uma nuvem luminosa os cobriu. 
E da nuvem saiu uma voz que dizia: 
Este é o meu amado Filho, em quem me comprazo; escutai-o. 
E o Espírito Santo desceu sobre ele em forma corpórea, como pomba; e ouviu-se uma voz do céu, que dizia: Tu és o meu Filho amado, em ti me comprazo. 
E saiu da nuvem uma voz que dizia: 
Este é o meu amado Filho; a ele ouvi. 
Como também está escrito no salmo segundo: 
Meu filho és tu, hoje te gerei. Porque, a qual dos anjos disse jamais: 
Tu és meu Filho, Hoje te gerei? 
E outra vez: 
Eu lhe serei por Pai, E ele me será por Filho? 
Porém a tua casa e o teu reino serão firmados para sempre diante de ti; teu trono será firme para sempre.
O Filho de Davi Lucas 1.32-33 Salmos 2.9 A vara de ferro Apocalipse 2.27 Salmos 8.2 

Este será grande, e será chamado filho do Altíssimo; e o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai; E reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu reino não terá fim. 
E com vara de ferro as regerá; e serão quebradas como vasos de oleiro; como também recebi de meu Pai.  Tu ordenaste força da boca das crianças e dos que mamam, por causa dos teus inimigos, para fazer calar ao inimigo e ao vingador. O louvor que provém das crianças. 
 Menor do que os anjos Cristo por causa da morte. 
Hebreus 2.5-9, Salmos 8.6, Mateus 21.16 Salmos 8.4-5.
Porque não foi aos anjos que sujeitou o mundo futuro, de que falamos.
Mas em certo lugar testificou alguém, dizendo:
Que é o homem, para que dele te lembres?
Ou o filho do homem, para que o visites? 
Tu o fizeste um pouco menor do que os anjos,De glória e de honra o coroaste,E o constituíste sobre as obras de tuas mãos; Todas as coisas lhe sujeitaste debaixo dos pés.
Ora, visto que lhe sujeitou todas as coisas, nada deixou que lhe não esteja sujeito. 
Mas agora ainda não vemos que todas as coisas lhe estejam sujeita hoje. Vemos, porém, coroado de glória e de honra aquele Jesus que fora feito um pouco menor do que os anjos, por causa da paixão da morte, para que, pela graça de Deus, provasse a morte por todos. 
Fazes com que ele tenha domínio sobre as obras das tuas mãos; tudo puseste debaixo de seus pés: E disseram-lhe: 
Ouves o que estes dizem? 
E Jesus lhes disse: 
Sim; nunca lestes: 
Pela boca dos meninos e das criancinhas de peito tiraste o perfeito louvor? 
Que é o homem mortal para que te lembres dele? 
E o filho do homem, para que o visites?
Pois pouco menor o fizeste do que os anjos, e de glória e de honra o coroaste.
Todas as coisas seriam postas a seus pés. 1 Coríntios 15.27-28; Ef 1.22; Salmos 16.8-11.
 Porque todas as coisas sujeitou debaixo de seus pés. 
Mas, quando diz que todas as coisas lhe estão sujeitas, claro está que se excetua aquele que lhe sujeitou todas as coisas (Deus). 
E, quando todas as coisas lhe estiverem sujeitas, então também o mesmo Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeitou, para que Deus seja tudo em todos.
 E sujeitou todas as coisas a seus pés, e sobre todas as coisas o constituiu como cabeça da igreja, Tenho posto o Senhor continuamente diante de mim; por isso que ele está à minha mão direita, nunca vacilarei. Portanto está alegre o meu coração e se regozija a minha glória; também a minha carne repousará segura.(Na morte).
Pois não deixarás a minha alma no inferno,(ou sepultura) nem permitirás que o teu Santo veja corrupção.(Seu corpo não apodreceria).
Far-me-ás ver a vereda da vida; na tua presença há fartura de alegrias; à tua mão direita há delícias perpetuamente.
Não seria abandonado n a morte. 
Porque dele disse Davi: Sempre via diante de mim o Senhor, Porque está à minha direita, para que eu não seja comovido; Por isso se alegrou o meu coração, e a minha língua exultou; E ainda a minha carne há de repousar em esperança; Pois não deixarás a minha alma no inferno, Nem permitirás que o teu Santo veja a corrupção; Fizeste-me conhecidos os caminhos da vida; Com a tua face me encherás de júbilo.
Homens irmãos, seja-me lícito dizer-vos livremente acerca do patriarca Davi, que ele morreu e foi sepultado, e entre nós está até hoje a sua sepultura. Sendo, pois, ele profeta, e sabendo que Deus lhe havia prometido com juramento que do fruto de seus lombos, segundo a carne, levantaria o Cristo, para o assentar sobre o seu trono,  e nesta previsão, se referia a  ressurreição de Cristo, que a sua alma não foi deixada no inferno, nem a sua carne viu a corrupção. 
 Então Deus ressuscitou a este Jesus, do que todos nós somos testemunhas,  por isso também em outro salmo diz: 
Não permitirás que o teu santo veja corrupção.
Porque, na verdade, tendo Davi no seu tempo servido conforme a vontade de Deus, dormiu, foi posto junto de seus pais e viu a corrupção.(Apodreceu).
Mas aquele a quem Deus ressuscitou nenhuma corrupção viu Jesus.
 Abandonado por Deus Mateus 27.46; Marcos 15.34.
E perto da hora nona exclamou Jesus em alta voz, dizendo: Eli, Eli, lamá sabactâni; 
isto é, Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste? 
E, à hora nona, Jesus exclamou com grande voz, dizendo: Eloí, Eloí, lamá sabactâni? 
Que, traduzido, é: Deus meu, Deus meu, por que me desamparaste?
(Deus não quis olhar a multidão dos pecados que Ele tomou para Si, virou-se).
AS PROFECIAS MESSIÂNICAS , - Salmos 22.7-8 
Zombado pela multidão Mateus 27.29, 41-44; M arcos 15.18, 29-32; Lucas 23.35-39 Salmos 22.18 
Suas roupas foram sorteadas Mateus 27.35; M arcos 15.24; Lucas 23.34; João 19.24 Salmos 22.22 Irmãos Hebreus 2.12 Salmos 31.5. 
“Nas tuas mãos encomendo o m eu espírito” Lucas 23.46 Salmos 34.20; Êxodo Nenhum osso foi quebrado conforme João 19.31-36 12.46; Números 9.12 Salmos 35.19; 69.4. 
Odiado sem motivo João 15.25 Salmos 40.6-8.
 Veio para fazer a vontade de Deus. 
Jo ão 6.38; Hebreus 10.5-9 Salmos 41.9. 
Traído por um amigo.
 João 13.18 Salmos 45.6-7. 
As características do Rei .
Hebreus 1.8-9 Salmos 68.18.
Ascendeu aos céus e distribuiu dádivas. 
Efésios 4.7-11 Salmos 69.9.
 Zeloso da casa de Deus. 
João 2.17 Salmos 69.21.
 Deram -lhe vinagre para acabar com a sede. 
João 19.29 Salmos 69.25; 109.8.
 O desespero e a substituição do traidor.
 Ato s 1.20 Salmos 78.2.
 As parábolas Mateus 13.34-35 Salmos 102.25-27.
 Rei eterno.
 Hebreus 1.10-12 Salmos 110.1 “Senta-te à minha mão direita [...] ponha teus inimigos por escabelo de teus pés” 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Responderemos a todos sempre que necessário.Obrigado pela visita ao site.

Israel Na Grande Tribulação / O Holocausto Foi Mentira?

Israel sempre foi um povo sofrido, desde os tempos de Abraão, Isaque, e Jacó. Sua sobrevivência sempre esteve ameaçada por muitos povos vizi...