A diferença Entre Israel e a Igreja (Judeus Gentios e Igreja)

Não há evidências Bíblicas de que a igreja começou com Adão, Abraão, ou que ela tenha existido no antigo testamento, até mesmo durante a vida terrena de Cristo. Evangelho foi anunciado a Abraão figuradamente dessa maneiras. Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti. De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão
Existem três classes de pessoas vivendo no planeta hoje. 
 (Judeus Gentios e Igreja). 
Judeus - Definidos como um grupo etno-religioso, eles se consideram membros da tribo de Judá e são chamados de povo escolhido de Deus. 
Para a tradição judaica, todos os judeus são descendentes diretos dos primeiros judeus: Abraão, Isaac e Jacó. 
Gentios - são todos os que não são hebreus ou seja, o resto do mundo.. 
Igreja - São os cristãos em geral. Digo em geral que eu incluo aqui todos os ramos daqueles que supostamente seguem a Cristo. A separação obviamente será feita quando Jesus voltar.
 Não há evidências Bíblicas de que a igreja começou com Adão, Abraão, ou que ela tenha existido no antigo testamento, até mesmo durante a vida terrena de Cristo. 
Portai-vos de modo que não deis escândalo nem aos judeus, nem aos gregos (gentios), nem à igreja de Deus.
1 Coríntios 10:32.
Evangelho que foi anunciado a Abraão figuradamente dessa maneira. 
Ora, tendo a Escritura previsto que Deus havia de justificar pela fé os gentios, anunciou primeiro o evangelho a Abraão, dizendo: Todas as nações serão benditas em ti. De sorte que os que são da fé são benditos com o crente Abraão, gálatas 3:8,9. (Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não pela; Mateus 16:18).Isso é a igreja que jesus disse que a edificaria. 
É porque Abraão foi chamado para fora de Ur aí então se tem definição de igreja, já que ele foi chamado para fora. A primeira evidência da igreja distinguindo de Israel nós encontramos, é o fato dela ter nascido no dia de pentecostes. Falamos isso baseado na relação do batismo no Espírito Santo, como revestimento de poder aos discípulos, sem o qual seria impossível tocar essa obra. Conforme (Colossenses 1.18,E ele é a cabeça do corpo, da igreja; é o princípio e o primogênito dentre os mortos, para que em tudo tenha a preeminência).
A igreja é exatamente o corpo de Cristo, ela faz a sua obra e enche a terra. 
Na primeira acarta aos Corintios 12.13,encontramos;a entrada para esse corpo e pelo batismo no Espírito Santo ( Pois todos nós fomos batizados em um Espírito, formando um corpo, quer judeus, quer gregos, quer servos, quer livres, e todos temos bebido de um Espírito).
Em atos dos Apóstolos 11.15,16, não foi instituído até que os judeus estivessem prontos, e recebido. 
E, quando comecei a falar, caiu sobre eles o Espírito Santo, como também sobre nós ao princípio.
E lembrei-me do dito do Senhor, quando disse: João certamente batizou com água; mas vós sereis batizados com o Espírito Santo. E, cumprindo-se o dia de Pentecostes, estavam todos concorde mente no mesmo lugar; E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados. E foram vistas por eles línguas repartidas, como que de fogo, as quais pousaram sobre cada um deles. E todos foram cheios do Espírito Santo, e começaram a falar noutras línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem, Atos 2:1-4. 
Temos outra evidência de distinção entre Israel e a igreja e que existem eventos específicos na vida de Jesus, que são pré-requisitos para que a igreja exista.
Logo a igreja em si não poderia existir até que esses eventos o corressem. 
São eles:
1 - Morte de jesus na cruz pela qual se oferece a propriciação, a remissão dos pecados.
Pois também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela; E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus. 
Então mandou aos seus discípulos que a ninguém dissessem que ele era Jesus o Cristo. Desde então começou Jesus a mostrar aos seus discípulos que convinha ir a Jerusalém, e padecer muitas coisas dos anciãos, e dos principais dos sacerdotes, e dos escribas, e ser morto, e ressuscitar ao terceiro dia, Mateus 16:18-21. 
2 - ressureição de Jesus. Que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos, e pondo-o à sua direita nos céus, Acima de todo o principado, e poder, e potestade, e domínio, e de todo o nome que se nomeia, não só neste século, mas também no vindouro;  E sujeitou todas as coisas a seus pés, e sobre todas as coisas o constituiu como cabeça da igreja, que é o seu corpo, a plenitude daquele que cumpre tudo em todos. Efésios 1:20-23.3
 1 – E a ascensão de jesus. 
O Espirito Santo não foi dado antes da ascensão.
 Que manifestou em Cristo, ressuscitando-o dentre os mortos, e pondo-o à sua direita nos céus Acima de todo o principado, e poder, e potestade, e domínio, e de todo o nome que se nomeia, não só neste século, mas também no vindouro; E sujeitou todas as coisas a seus pés, e sobre todas as coisas o constituiu como cabeça da igreja, que é o seu corpo, a plenitude daquele que cumpre tudo em todos. 
Na terceira evidência vemos as características peculiares da igreja são características misteriosas. Na linguagem Bíblica a palavra mistério e usada para descrever verdades no novo testamento. Como me foi este mistério manifestado pela revelação, como antes um pouco vos escrevi; Por isso, quando ledes, podeis perceber a minha compreensão do mistério de Cristo, O qual noutros séculos não foi manifestado aos filhos dos homens, como agora tem sido revelado pelo Espírito aos seus santos apóstolos e profetas.  E demonstrar a todos qual seja a comunhão do mistério, que desde os séculos esteve oculto em Deus, que tudo criou por meio de Jesus Cristo. O mistério que esteve oculto desde todos os séculos, e em todas as gerações, e que agora foi manifesto aos seus santos. Aos quais Deus quis fazer conhecer quais são as riquezas da glória deste mistério entre os gentios, que é Cristo em vós, esperança da glória; A quem anunciamos, admoestando a todo o homem, e ensinando a todo o homem em toda a sabedoria; para que apresentemos todo o homem perfeito em Jesus Cristo, Efésios 3:3-5,9, Colossenses 1:26-28. 
Existem quatro coisas a respeito da igreja que nunca foram revelados no antigo testamento.
 1 - O conceito de crentes judeus e gentios juntos na fé em um só corpo. Efésios 3. 1 ao 12. 
2 - A doutrina de Jesus habitando nos crentes;
 Colossenses 1. 24, Regozijo-me agora no que padeço por vós, e na minha carne cumpro o resto das aflições de Cristo, pelo seu corpo, que é a igreja; e segue 1: 25, Da qual eu estou feito ministro segundo a dispensação de Deus, que me foi concedida para convosco, para cumprir a palavra de Deus; Jesus respondeu, e disse-lhe: Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada, João 14:23. 
3 - A igreja sendo noiva do Senhor. 
“O zelo que tenho por vocês, disse Paulo, é um zelo que vem de Deus. Eu os prometi a um único marido, Cristo, querendo apresentá-los a ele como uma virgem pura.” (2Coríntios 11.2). De forma que não, deixa dúvidas de que a Noiva do Cordeiro é a Igreja, o que é confirmado ainda em sua Carta aos Efésios: “Pois o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da Igreja, sendo ele próprio o salvador do corpo” (Efésios 5:23).
 4 – o arrebatamento com os acontecimentos relacionados. Que é a ressurreição dos mortos e os cristãos vivos sendo levados aos céus.
 E agora digo isto, irmãos: que a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção. Eis aqui vos digo um mistério: Na verdade, nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados; Num momento, num abrir e fechar de olhos, ante a última trombeta; porque a trombeta soará, e os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados. Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade. E, quando isto que é corruptível se revestir da incorruptibilidade, e isto que é mortal se revestir da imortalidade, então cumprir-se-á a palavra que está escrita: Tragada foi a morte na vitória. Onde está, ó morte, o teu aguilhão? 
Onde está, ó inferno, a tua vitória? 
Ora, o aguilhão da morte é o pecado, e a força do pecado é a lei. Mas graças a Deus que nos dá a vitória por nosso Senhor Jesus Cristo. Portanto, meus amados irmãos, sede firmes e constantes, sempre abundantes na obra do Senhor, sabendo que o vosso trabalho não é vão no Senhor. Agora temos condições de entender essas coisas. 
 A quarta evidência temos ainda que acrescentar que a igreja se distingue de Israel no tocante a ser revelado nela um novo um novo homem, que na linguagem mais acessível. Significa um novo tipo de homem um novo ser. 
Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz, E pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades, Efésios 2:15,16. Esse novo ser, é distinto tanto de Israel como dos gentios e é formado por membros que se renderam ao Evangelho de Cristo, e existem membros judeus, gentios juntamente. E pela cruz reconciliar ambos com Deus em um corpo, matando com ela as inimizades, Efésios 2:16. A saber, que os gentios são co-herdeiros, e de um mesmo corpo, e participantes da promessa em Cristo pelo evangelho; Do qual fui feito ministro, pelo dom da graça de Deus, que me foi dado segundo a operação do seu poder, Efésios 3:6,7.
 5 - Temos a quinta evidência de diferenciação da igreja e Israel é que cada grupo é diferente entre si. Portai-vos de modo que não deis escândalo nem aos judeus, nem aos gregos, nem à igreja de Deus, 1 Coríntios 10:32. Esses povos vão existir até o ultimo dia da existência desse sistema de mundo do qual todos nós participamos hoje. Digo assim com toda certeza de que ele passará e será estabelecida uma nova era determinada por Deus. Porque assim como a morte veio por um homem, também a ressurreição dos mortos veio por um homem. Porque, assim como todos morrem em Adão, assim também todos serão vivificados em Cristo. Mas cada um por sua ordem: Cristo as primícias, depois os que são de Cristo, na sua vinda. 
Depois virá o fim, quando tiver entregado o reino a Deus, ao Pai, e quando houver aniquilado todo o império, e toda a potestade e força. Porque convém que reine até que haja posto a todos os inimigos debaixo de seus pés. Ora, o último inimigo que há de ser aniquilado é a morte. Porque todas as coisas sujeitou debaixo de seus pés. Mas, quando diz que todas as coisas lhe estão sujeitas, claro está que se excetua aquele que lhe sujeitou todas as coisas (Que é Deus o Pai). 
E, quando todas as coisas lhe estiverem sujeitas, então também o mesmo Filho se sujeitará àquele que todas as coisas lhe sujeitou, para que Deus seja tudo em todos, 1 Coríntios 15:21-28.
 6 - Temos a sexta evidência de que a igreja nunca é citada como sendo Israel porque ela é distinta de Israel. E a todos quantos andarem conforme esta regra, paz e misericórdia sobre eles e sobre o Israel de Deus, Gálatas 6:16. Aqui fala sobre judeus que haviam aceitado o evangelho de Cristo na sua vinda mas estavam guardando práticas judaicas, querendo guardar também a Lei de Moisés  e enganam os gentios que também tinham aceitado a fé mas não tinham conhecimento de coisa alguma. Diziam que era possível se salvarem guardando também a Lei. Paulo explica que a salvação é através da fé. Porque em Cristo Jesus nem a circuncisão, nem a incircuncisão tem virtude alguma, mas sim o ser uma nova criatura ou um novo homem., Gálatas 6:15.

FALAMOS SOBRE A SEGUNDA VINDA DE CRISTO. O MILENIO NO FINAL DOS TEMPOS? SALVAÇÃO DA ALMA? DESCOBRINDO SOBRE A ETERNIDADE. VEJA AQUI DOCUMENTÁRIOS.PLAYBACKS