O Que Significa a Parábola Das Bodas? A Segunda Vinda / Bodas Do Cordeiro.

A parábola das dez virgens aqui explica o lugar dos verdadeiros convertidos de Israel, depois que a igreja for arrebatada. 
Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar.
E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também. Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que dormem. Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor, João 14:2,3, e 1 Tessalonicenses 4:15-17
Aqui no capítulo 25 de Mateus, não fala da igreja, esse texto é unicamente para o povo de israel. Nós temos um costume de misturar Israel com a igreja e isso não é correto. Todo esse capítulo é dirigido ao povo judeu, nessa época a igreja nem existia. 
 Um casamento judaico consistia de três partes, a primeira das quais era o noivado. Na maioria das vezes arranjado pelos próprios pais da noiva e do noivo, o engajamento ascendia um contrato de casamento em que o casal tinha pouco, ou nenhum envolvimento direto. 
A segunda etapa era,  o noivado, a cerimônia de casamento em que os noivos trocavam votos na presença de familiares e amigos. 
Nesse ponto, o casal era considerado casado, e sua relação só podia ser quebrada apenas pelo divórcio formal, como se eles estivessem casados há muitos anos. Se o marido acontecesse de morrer durante o tempo de noivado, a noiva foi era considerada uma viúva, embora o casamento não tivesse sido consumado fisicamente e os dois nunca viveram vivido juntos. 
O noivado poderia durar muitos meses, às vezes um ano, período em que o noivo iria estabelecer-se em um negócio, ou comércio, ou agricultura para fazer a provisão de um lugar para o casal a viver. No final do período de noivado a festa de casamento seria realizada, e era na festa e com suas celebrações relacionadas que toda a comunidade se envolvia. 
Esta festa, que poderia durar uma semana, começava com o noivo estando vindo com seus padrinhos para casa da noiva, onde suas damas de honra estavam esperando por ela(as virgens).Juntos os noivos e seus assistentes fariam em seguida, o desfile pelas ruas proclamando que a festa de casamento estaria prestes a começar. 
A procissão era iniciada geralmente à noite, lâmpadas ou tochas eram utilizados para a festa de casamento para iluminar seu caminho e para atrair a atenção dos transeuntes. 
No final do período da festa, um grande amigo do noivo,(Joao Batista aqui na parábola) que atuou muito como um melhor amigo, levaria a mão da noiva e colocava-la na mão do noivo, e que o casal iria pela primeira vez ser deixado a sós. 
O casamento seria consumado e o casal passaria a viver juntos em sua nova casa. Era essa a terceira parte do ritual de casamento que Jesus colocou como enquadramento para esta parábola das virgens. Quem eram essas virgens? Bom não eram a igreja. 
Se refere a vinda de Cristo para Israel como aqui em apocalipse diz.
E vi o céu aberto, e eis um cavalo branco; e o que estava assentado sobre ele chama-se Fiel e Verdadeiro; e julga e peleja com justiça, Apocalipse 19:11.
Elas tomaram as lâmpadas e foram ao encontro do noivo, o esposo. Mas não eram elas a noiva essas virgens foram convidadas ao casamento, as damas de honra. Elas carregavam as tochas que pareciam exatamente como as das outras, mas elas não tinham nada para queimar nelas, nada que pudesse dar a luz. 
As cinco prudentes damas de honra, porém, levaram azeite em garrafas juntamente com as suas lâmpadas. As cinco virgens prudentes simbolizam o remanescente de Israel crente e fiel, cujo amor não esfriou continuou crendo que o Messias viria, apesar de não crerem no arrebatamento literal 
Esses serão os judeus (os “escolhidos”), que serão surpreendidos repentinamente pela vinda de seu Messias em meio ao grande sofrimento na tribulação, que Israel estará enfrentando, e então “olharão para aquele a quem traspassaram; pranteá-lo-ão como quem pranteia por um unigênito e chorarão por ele como se chora amargamente pelo primogênito” (Zc 12.10). Ele surgirá entre as nuvens do céu. com milhares dos seus santos. 
E destes profetizou também Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que é vindo o Senhor com milhares de seus santos, Judas 1:14.
Sobre eles o Senhor derramará o “Espírito de graça e de súplicas” porque, com seu amor ao Messias e seu anseio por Sua volta, eles ainda aguardam uma solução, e têm azeite em suas lâmpadas. 
Estes entrarão na festa das bodas.
E disse-me: Escreve: Bem aventurados aqueles que são chamados à ceia das bodas do Cordeiro. E disse-me: Estas são as verdadeiras palavras de Deus, Apocalipse 19:9.
 A noiva é a igreja que ainda está oculta aqui, ela não apareceu ainda..
 Então o reino dos céus será semelhante a dez virgens que, tomando as suas lâmpadas, saíram ao encontro do esposo. E cinco delas eram insensatas, e cinco eram prudentes. Para quando o insensatas, tomando as lâmpadas, não levaram azeite consigo, mas os prudentes levaram azeite em garrafas, juntamente com as suas lâmpadas. Agora, enquanto o noivo estava a atrasar, todos eles se sonolento e começou a dormir. Mas à meia-noite havia uma mensagem: "Eis o noivo! Venham se encontrar com ele." Então todas aquelas virgens se levantou, e prepararam as suas lâmpadas. E as insensatas disseram às prudentes: "Dai-nos do vosso azeite para as nossas lâmpadas se apagam." Mas as prudentes responderam, dizendo: "Não, não, não será suficiente para nós e você também;. Ir em vez de os concessionários e comprar alguns para vós" E enquanto eles estavam indo embora para fazer a compra, o noivo chegou, e as que estavam preparadas entraram com ele para as bodas; e a porta estava fechada. E depois as outras virgens também veio, dizendo: "Senhor, Senhor, abre-se para nós." Mas ele, respondendo, disse: "Em verdade eu vos digo, eu não te conheço." Fiquem alerta, em seguida, porque você não sabe o dia nem a hora. (25: 1-13).
Bom agora vamos analisar quem são essas virgens. 
Naquele tempo, disse ele, a preparação espiritual para a entrada no reino dos céus será comparável à preparação de dez virgens que serviam como damas de honra em um certo casamento.
A esposa ela não é identificada aqui, ela não é vista, mas é a igreja, as virgens eram acompanhantes debutantes, conforme Efésios 5.31,32 diz;
 Por isso deixará o homem seu pai e sua mãe, e se unirá a sua mulher; e serão dois numa carne. Grande é este mistério; digo-o, porém, a respeito de Cristo e da igreja. Porque estou zeloso de vós com zelo de Deus; porque vos tenho preparado para vos apresentar como uma virgem pura a um marido, a saber, a Cristo. 2 Coríntios 11:2 Paulo tinha essa mesma interpretação. João Batista é o amigo do esposo que é Cristo, ele e convidado a colocar a mão da noiva na mão do noivo. (ler Marcos 1:2-4)no caso esposo noivo da igreja Jesus. Aquele que tem a esposa é o esposo; mas o amigo do esposo, que lhe assiste( é o assistente) e o ouve, alegra-se muito com a voz do esposo. Assim, pois, já este meu gozo está cumprido. É necessário que ele cresça e que eu diminua. João 3:29,30
As virgens que estavam preparadas aqui, são israelitas salvos no tempo da grande tribulação. 
Sim haverá muitas pessoas que depois da volta de Jesus vão sim acreditar Nele durante os flagelos que virão. Leiamos: 
E foi-lhe concedido que desse espírito à imagem da besta, para que também a imagem da besta falasse, e fizesse que fossem mortos todos os que não adorassem a imagem da besta. (Isso é crentes que saíram da igreja e conheciam o que estava acontecendo que não adoraram) E faz que a todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e servos, lhes seja posto um sinal na sua mão direita, ou nas suas testas, Para que ninguém possa comprar ou vender, senão aquele que tiver o sinal, ou o nome da besta, ou o número do seu nome, Apocalipse 13:15-17.
(Então vemos eles aqui):
E olhei, e eis um cavalo amarelo, e o que estava assentado sobre ele tinha por nome Morte; e o inferno o seguia; e foi-lhes dado poder para matar a quarta parte da terra, com espada, e com fome, e com peste, e com as feras da terra. E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram. E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra? (Aqui são todos os mártires de todo tempo da cristandade). Entao encontramos mais um versículo:
E foram dadas a cada um compridas vestes brancas e foi-lhes dito que repousassem ainda um pouco de tempo, até que também se completasse o número de seus conservos e seus irmãos, que haviam de ser mortos como eles foram Apocalipse 6:8-11 ( aqui estão sendo mortos pessoas que não foram arrebatadas mas que não se entregaram para receber o carimbo).
Apocalipse nos dá essas informações; 
E um dos anciãos me falou, dizendo: Estes que estão vestidos de vestes brancas, quem são, e de onde vieram?  E eu disse-lhe: Senhor, tu sabes. E ele disse-me: Estes são os que vieram da grande tribulação, e lavaram as suas vestes e as branquearam no sangue do Cordeiro. Por isso estão diante do trono de Deus, e o servem de dia e de noite no seu templo; e aquele que está assentado sobre o trono os cobrirá com a sua sombra. Nunca mais terão fome, nunca mais terão sede; nem sol nem calma alguma cairá sobre eles. Porque o Cordeiro que está no meio do trono os apascentará, e lhes servirá de guia para as fontes vivas das águas; e Deus limpará de seus olhos toda a lágrima, Apocalipse 7:13-17. Teremos as duas testemunhas que quando lemos, parece estarmos dentro de um filme de ficção. 
E darei poder às minhas duas testemunhas, e profetizarão por mil duzentos e sessenta dias, vestidas de saco. Estas são as duas oliveiras e os dois castiçais que estão diante do Deus da terra. E, se alguém lhes quiser fazer mal, fogo sairá da sua boca, e devorará os seus inimigos; e, se alguém lhes quiser fazer mal, importa que assim seja morto. Estes têm poder para fechar o céu, para que não chova, nos dias da sua profecia; e têm poder sobre as águas para convertê-las em sangue, e para ferir a terra com toda a sorte de pragas, todas quantas vezes quiserem. E, quando acabarem o seu testemunho, a besta que sobe do abismo lhes fará guerra, e os vencerá, e os matará. E jazerão os seus corpos mortos na praça da grande cidade que espiritualmente se chama Sodoma e Egito, onde o nosso Senhor também foi crucificado. E homens de vários povos, e tribos, e línguas, e nações verão seus corpos mortos por três dias e meio, e não permitirão que os seus corpos mortos sejam postos em sepulcros. E os que habitam na terra se regozijarão sobre eles, e se alegrarão, e mandarão presentes uns aos outros; porquanto estes dois profetas tinham atormentado os que habitam sobre a terra. 
E depois daqueles três dias e meio o espírito de vida, vindo de Deus, entrou neles; e puseram-se sobre seus pés, e caiu grande temor sobre os que os viram. E ouviram uma grande voz do céu, que lhes dizia: Subi para aqui. E subiram ao céu em uma nuvem; e os seus inimigos os viram. E naquela mesma hora houve um grande terremoto, e caiu a décima parte da cidade, e no terremoto foram mortos sete mil homens; e os demais ficaram muito atemorizados, e deram glória ao Deus do céu, Apocalipse 11:3-13. Realmente parece filme de ficcão mas não é, e tudo real. Teremos os 144.000 que também serão selados salvos e guardados. Eles pregarão o evangelho eterno. Será a última chance para que a humanidade creia no Senhor Jesus. Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu Filho ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por ele,João 3:15-17
Então muitos ainda vai crer no Senhor, porque o mundo estará no fim. 
E as lâmpadas se referem as suas vidas que estavam resguardadas preparadas, ou despreparadas. 
O azeite é aquilo que os prepara para ter luz, ou seja o Espírito Santo. O fato de que elas dormiram tardando o esposo, fala do tempo em que Israel esteve inativo como povo de deus na Era da igreja, enquanto a noiva era preparada.

FALAMOS SOBRE A SEGUNDA VINDA DE CRISTO. O MILENIO NO FINAL DOS TEMPOS? SALVAÇÃO DA ALMA? DESCOBRINDO SOBRE A ETERNIDADE. VEJA AQUI DOCUMENTÁRIOS.PLAYBACKS