A Batalha De Gogue Nos Montes De Israel Antes Do Arrebatamento ou imediatamente após e a do anticristo no Final Do Reino Milenar


A Batalha De Gogue Nos Montes De Israel Antes Do Arrebatamento ou imediatamente após e A Do Anticristo Ao Final Do Reino Milenar. Só que Gogue e Magogue têm aqui sentido diverso, pois simbolizam os inimigos declarados do povo de Deus, que marcharão contra a Nova Jerusalém (e não a velha cidade) sob o comando de Satanás (e não o anticristo), no final do Milênio (e não antes)

A confusão de muitos decorre do seguinte texto de Apocalipse: 
“E sairá a enganar as nações que estão sobre os quatro cantos da terra, Gogue e Magogue, cujo número é como a areia do mar, para as ajuntar em batalha” (Ap 20.8). 
A Batalha De Gogue Nos Montes De Israel Antes Do Arrebatamento ou imediatamente após e A Do Anticristo Ao Final Do Reino Milenar.
Só que Gogue e Magogue têm aqui sentido diverso, pois simbolizam os
inimigos declarados do povo de Deus, que marcharão contra a Nova Jerusalém (e não a velha cidade) sob o comando de Satanás (e não o anticristo), no final do Milênio (e não antes).
Recapitulando, as Escrituras fazem referência a duas grandes batalhas, sendo: 
a) A batalha de Gogue, nos montes de Israel, que poderá ocorrer tanto imediatamente antes do arrebatamento da Igreja como imediatamente após; 
b) A batalha do anticristo, no vale do Armagedom, após o rapto da Igreja e antes do estabelecimento do Milênio, ao final da septuagésima semana profética de Daniel.
Ao final do Milênio de Cristo, Satanás planejará uma batalha contra a Nova Jerusalém, mas não conseguirá seus objetivos: 
“E subiram sobre a largura da terra e cercaram o arraial dos santos e a cidade
amada; mas desceu fogo do céu e os devorou. E o diabo, que os enganava, foi lançado no lago de fogo e enxofre, onde está a besta e o falso profeta; e de dia e de noite serão atormentados para todo o sempre” (Apocalipse 20.9,10).
Finalmente, a ação predatória de Gogue e seu bando será de caráter político e econômico e não contará com o apoio de todas as nações. 
O próprio Deus os induzirá a tal iniciativa, pois o seu nome será glorificado.

Comentários